segunda-feira, 24 de novembro de 2008

“OS OPOSTOS SE ATRAEM”.

* Rafaela Santana
Estudante de Jornalismo/Produtora de TV


É possível alguém se atrair por alguém tão diferente e dar certo? Eu não acredito que isso possa dar certo entre pessoas sem o mínimo de afinidade. Normalmente os casais se formam em ambientes que eles já convivem ou tem afinidades, então se eles estão no mesmo ambiente é porque tem particularidades em comum.A busca eterna pela Alma Gêmea, a outra metade da laranja estará sempre presente na nossa cultura, somos incapazes de viver sozinhos, temos a necessidade de jogar no outro as nossas frustrações, medos e até mesmo o amor que temos para dar, não importando onde os conhecemos e quem seja, namorado, marido, amigos, filhos. O amor é uma graduação, e quando ele se torna excessivo a ponto de prejudicar você mesmo ou ao outro, tornando-se obsessão, e não amor.

♣ ♣ ♣ ♣ ♣ ♣

* Rafaela Santana
Estudante de Jornalismo/Produtora de TV

Engraçado como só sentimos falta daquilo que perdemos, não importa o que ou quem, importa apenas que sofremos com a perda. Um pouco mais de um mês, Perdi alguém que na verdade nem sei se chegou a ser meu, e hoje depois de passada a “tempestade” sinto como se estivesse faltando uma parte do meu dia-a-dia. Estranho falar assim depois de um tempo, mas sinto falta do que não tive e do pouco que tive. Que deprê!!!



4 comentários:

Suiany em transe disse...

É verdadeeee... já passei por isso... já senti essa sensação!


Beijos

Anônimo disse...

Assim, sei lá... entende...?
É isso aí Rafinha!!!


Edilson.

Anônimo disse...

O destino se encarrega de colocar as pessoas em nossas vidas,e as atitudes decidem se elas permanecem.

Huhu Rafa

Arrasou!!



*Ravenna de Paula

Luciano disse...

Sabe, se voltarmos a pensar os casamentos de antigamente eram escolhidos pelos pais e nao pelos sentimentos da pessoa, e acho que é por isso que os casamentos de antigamente duram mais. Por serem extremamente distintos eles acabam respeitando o modo de viver de cada, e isso faz com que eles tenham um amor que nao seja diferente do nosso. E sim pessoas diferentes podem sim dar certo, pois cada um fica na curiosidade de saber o modo de cada um, do seu modo de viver.
Na qual ela pode aprender a viver com aquilo que tem, e que esta pessoa faça a proteger de todos os incomodos.

Luciano* "4 vez comentando" hehe